terça-feira, 7 de março de 2017

vidas











     cada vez que eu carregava uma rapaz na barriga, a mulher, tida como louca por quase toda a gente, dizia-me 'dá graças a deus, a vida é tão mais fácil para eles'. nasceram de mim três homens e não sei se a vida deles seria mais difícil se tivessem tido outro sexo, mas sei, que há mulheres e meninas em todo o mundo que vivem situações de humilhação e violência extrema, quer física, quer psicológica. e sei também como ainda são apontadas as mulheres em todo o lado, fruto de preconceitos, de atitudes machistas, como lhes são impostos limites na liberdade.
amanhã vai ser o dia internacional da mulher, e eu sempre achei ridículo ter que haver este dia para que as pessoas se lembrem da condição de ser mulher. agora acho que sim, que é necessário. 

seria também bom recordar a importância de nutrir, de cuidar, de curar, de amar, de unir, de conciliar. 










12 comentários:

  1. Sim, em muitas circusntâncias, a vida é mais fácil para os homens, mas, parece-me, mais exigente quando são jovens e têm de provar aos pares que merecem pertencer ao grupo. Em muitas mais circunstâncias, as mulheres continuam a ser, entre os géneros, as maiores vítimas de preconceito e discriminação.
    Observo as novas gerações e não noto que tenha havido uma mudança significativa ao nível das mentalidades.

    Bom serão, ana. Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo que vejo por aqui, a evolução é uma ilusão delas, eles comtinuam como os bisavós...
      Beijo, deep

      Eliminar
  2. sempre me imaginei rodeado delas... filhas... três, quatro, cinco, todas meninas do pai :) e aulas de tiro, uma caçadeira de longo alcance, assim que começassem a namorar. Sim, infelizmente ainda é preciso um dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também quis ter muitos...a caçadeira também tive :)

      Eliminar
  3. Nunca teremos igualdade enquanto um homem se achar superior a uma mulher!Herdeiros
    Kis :=}

    ResponderEliminar
  4. isso muda, lentamente, AvóGi.
    beijo e que o dia seja bom :)

    ResponderEliminar
  5. há tanta coisa a ser feita, ainda...
    tenho dúvidas se algum dia teremos igualdade.

    gostava de ter tido uma filha.

    ResponderEliminar
  6. Eu apaixono-me todos os dias pelas mulheres.

    Deixo um beijo no teu coração, ana bonita. :)

    ResponderEliminar
  7. eu senti-me a mamã dalton, com os meus, Laura :)

    ResponderEliminar
  8. Respostas
    1. Continuo zangada com as palavras. Pior que as crianças, faço birra. E recuso-me a escrever. Mas sinto a tua falta. A falta daqueles que me escrevem no coração. Estou aqui. :)

      Eliminar
  9. não te zangues com as palavras, menina bonita, elas ajudam-nos a ver para dentro :)
    beijo*

    ResponderEliminar