domingo, 19 de fevereiro de 2017

dança







descalça, rodopia. não sabe dançar, mas quando ouve os tambores e o ritmo daquela música, empresta as ancas, as coxas, os pés, os braços, o peito, entrega o corpo todo e bamboleia enquanto recita e canta, até à exaustão 'ando de cara pra o vento na chuva, e quero me molhar, o terço de Fátima e o cordão de Gandhi cruzam o meu peito. Sou como a haste fina, que qualquer brisa verga, mas nenhuma espada corta.' e nesses momentos esquece dele, tem os quatro elementos a correr nas veias, ar, água, fogo e terra.









4 comentários:

  1. dança-te...sem te esqueceres de ti própria!


    bom dia

    -___-

    ResponderEliminar
  2. with a burning violin :)

    bom dia, Moonshine

    ResponderEliminar