domingo, 20 de novembro de 2016

domingo










é domingo. em frente a mim está a noite. eu tenho frio, as maçãs do rosto geladas, os braços arrepiados, os pés frios, a cabeça vazia, os cestos da lenha cheios, uma semana de susto pela frente, vontade de nada. só o hurican para me fazer escrever. uma hora e meia para escrever aquilo.
agora, ao meu lado está um livro aberto para eu não ler.
ficarei quieta à espera de perceber o que me falta.












8 comentários:

  1. Hora e meia? Levei a manhã toda para escrever menos de 5 linhas...

    ResponderEliminar
  2. obrigada, Maria, por isso dormi tão bem :)
    boa segunda :)

    ResponderEliminar
  3. ah... Hurican... mas o teu está tão lindo...não acrescentava nem tirava nadinha...

    ResponderEliminar
  4. sabes que tenho uma taça com beijinhos em cima da mesa?

    ResponderEliminar